Ligue Agora! (11) 3995-3736

Colesterol: 4 coisas que você precisa saber para cuidar da sua saúde

Basta alguém saber que está com o colesterol alto para começar a se preocupar, não é mesmo? Nada mais comum, já que ele ainda é considerado um dos grandes vilões da vida saudável.

Embora essa preocupação seja benéfica em vários sentidos, ela ainda é firmada em muito desconhecimento. Sejamos francos: quem sabe qual é o nível recomendado e como controlá-lo? Existe ou não mais de um tipo de colesterol?

Se você também está nesse time, mas quer saber mais sobre o assunto de uma vez por todas, então confira o post de hoje!

1. O que é colesterol?

O colesterol é um tipo de lipídio produzido por suas células vertebradas, mas também pode estar presente na membrana celular. Ele é uma substância imprescindível para o funcionamento do seu organismo, mas é muito importante que o índice esteja equilibrado.

Quando seu nível fica muito elevado no organismo, ele pode se relacionar com várias doenças, como o infarto e o Acidente Vascular Cerebral (AVC).

2. Existem tipos diferentes?

O colesterol está presente em várias partes do seu corpo por meio das lipoproteínas. Entre as partículas principais e mais conhecidas está a lipoproteína de baixa densidade (LDL) e a lipoproteína de alta densidade (HDL).

O LDL é conhecido como “colesterol ruim”, já que seu excesso não é nada bom para o funcionamento do seu organismo. Afinal de contas, ele cria placas de colesterol que ficam dentro das artérias, podendo provocar um entupimento. São elas que geram a angina, ataques cardíacos e a maioria dos AVCs.

Já o HDL é conhecido como o “colesterol bom”. Trabalhando de forma contrária, ele é capaz de remover e transportar o colesterol e levá-lo para o fígado, onde é eliminado.

3. Como saber se os índices estão altos?

Como você deve imaginar, ter os valores equilibrados é a melhor maneira de controlar o colesterol. O HDL deve ficar sempre acima de 40mg/l, enquanto o LDL deve ficar na faixa de 30. Você pode descobrir esses valores com um exame de sangue de rotina.

Ainda assim, o colesterol total é a soma de todos os índices – ou seja, do HDL, LDL e VLDL – e deve estar abaixo de 200mg/l. E tem mais: ter o valor alto nem sempre significa que a pessoa está doente, pois ela pode estar com altas taxas do colesterol bom.

4. Como controlar o colesterol?

Agora que você já sabe a importância de ter esses índices sob controle (já que o colesterol é a principal fonte de gordura no seu sangue), deve estar se perguntando como controlar, não é? Veja o que adotar:

Siga uma alimentação saudável

Uma dieta equilibrada e bem montada ainda é a melhor maneira de controlar as taxas de colesterol. Uma alimentação com ômega 3 ajuda muito, então é bom consumir peixes como o salmão e atum.

A gordura insaturada que eles têm ajuda a reduzir os triglicerídeos e controlar o índice de colesterol. Outra boa pedida são as oleaginosas, pois elas também atuam no controle.

Adote a prática de atividades físicas

Exercitar-se regularmente, de preferência com atividades aeróbicas, também é uma ótima medida a se adotar. Eles garantem uma boa circulação e funcionamento do organismo, favorecendo a eliminação do colesterol.

Beba chá preto

O chá preto ficou comum nos últimos anos pela presença da cafeína e pode ser um ótimo aliado. Como ajuda a combater as placas de gordura, acaba atuando na dissolução do colesterol e evitando muitos entupimentos.

Evite açúcar e alimentos gordurosos

Quem come muito açúcar tem uma tendência maior a desenvolver doenças coronárias. Por isso, é bom controlar as taxas, já que a sacarose atua de forma direta em doenças cardiovasculares, gordura no fígado, diabetes e as cáries dentárias.

Os alimentos muito gordurosos também merecem ser controlados. Opções como bacon, presunto e mortadela devem ser ingeridos de forma reduzida, fortalecendo uma dieta com frutas, verduras, legumes e alimentos integrais.

Agora que você tem um panorama sobre o colesterol, nada de arranjar desculpas para não se cuidar, ok? Invista nesses hábitos e ajude seu organismo a funcionar de forma cada vez mais saudável. E para se proteger contra imprevistos, saiba mais sobre as modalidades de plano de saúde existentes e escolha a melhor opção para você!