Ligue Agora! (11) 3995-3736

Vai contratar um plano de saúde? Evite esses 4 erros!

Ao contratar um plano de saúde, buscamos a segurança de um serviço qualificado. Porém, alguns erros no momento de contratação podem comprometer as garantias do convênio.

Para te ajudar a driblar essas falhas, listamos aqui os erros mais comuns no momento da contratação de um plano de saúde. Acompanhe!

 

1. Desconhecer as condições de carência

De acordo com a lei, as operadoras de planos de saúde podem estabelecer prazos de carência em seus contratos. Isso significa que, mesmo após a assinatura do contrato, alguns tipos de atendimentos e procedimentos não serão realizados durante um determinado período de tempo.

É muito importante ler o contrato e contar com a consultoria de um corretor de planos de saúde para compreender devidamente os períodos de carência do seu plano de saúde.

Além disso, é essencial saber que a ANS, Agência Nacional de Saúde Suplementar, estabelece os prazos máximos de carência para os planos de saúde. São eles:

  • 24 horas para atendimento de urgência e emergência, como acidentes pessoais, por exemplo;
  • 300 dias para partos a termo, exceto para partos prematuros ou decorrentes de complicações;
  • 24 meses para o tratamento de doenças preexistentes;
  • 180 dias para as demais situações.

Vale lembrar que as operadoras de planos de saúde podem estabelecer prazos menores para a carência, nunca maiores.

 

2. Não conferir todos os dados no contrato

Antes de assinar o contrato do plano de saúde, é muito importante conferir todos os seus dados pessoais e também os dados de seus dependentes. Verifique cuidadosamente a grafia dos nomes e os números dos documentos.

Dessa forma, você evitará possíveis problemas em um momento de atendimento clínico ou hospitalar, devido à incoerência de dados.

 

3. Não contratar um plano de saúde em uma corretora

Os profissionais que atuam nas corretoras conhecem as condições dos planos de saúde e sabem lidar com as burocracias e obrigações contratuais das operadoras. Assim, eles poderão apresentar as melhores opções, de acordo com as suas necessidades. Escolha uma boa corretora e pesquise sua reputação.

 

4. Descumprir as obrigações contratuais

Assim como os demais contratos, o documento do convênio médico contém os seus direitos aos serviços contratados, mas também traz os deveres que devem ser cumpridos para garantir a vigência do contrato. É muito importante estar ciente dos seus deveres e cumpri-los.

Preencha o formulário de declaração de saúde com sinceridade. Esse formulário é exigido pelas operadoras, de acordo com a Lei dos Planos de Saúde (9.656/98).

É fundamental que o consumidor seja extremamente honesto nesse momento da contratação, pois, caso seja identificada alguma fraude, a operadora pode cancelar o contrato e, até mesmo, cobrar o consumidor pelas despesas excedentes.

Outro fator que pode levar à suspensão dos serviços é o atraso no pagamento das parcelas. Portanto, esforce-se para cumprir suas obrigações contratuais e evite ficar sem plano de saúde nos momentos em que mais precisar.

Conhecer os principais erros na hora de contratar um plano de saúde é o primeiro passo para garantir o melhor serviço para você e sua família. Entre em contato conosco e conheça as soluções que oferecemos para cuidar da sua saúde!

 

Clique aqui e solicite orçamento expresso. Entraremos em contato em 10 minutos.